Minhas 5 melhores leituras de 2012!

Como já vem sendo tradição há alguns anos neste blog, em janeiro faço um post sobre as leituras de 2012. Entretanto, como participei do Desafio Literário do ano passado e tive a oportunidade de resenhar várias das minhas leituras, decidi, neste ano, a exemplo de alguns blogs muito legais que acompanho, montar apenas um Top 5 de 2012.

Minhas melhores leituras não foram necessariamente as de finais felizes, mas aquelas que despertaram em mim mais inquietações e reflexões. Essas foram a que mais valeram a pena. Segue a lista e um pequeno comentário sobre cada uma.

1- O-Yoné e Ko-Haru (Wenceslau de Moraes) – Que livro lindo! Uma das minhas propostas para o doutorado é trabalhar sobre esta obra do Wenceslau. O título faz referência às duas mulheres com as quais viveu maritalmente no Japão e das quais enviuvou. São 18 textos que podem ser lidos fora da ordem, porque têm sentido próprio. E todos, de alguma maneira, fazem referência à morte, mas de uma forma sutil, poética, literária mesmo. Esta obra transcende todos os outros trabalhos de Moraes e com ela, sem dúvida, ele se consagra como um escritor de talento. É um livro que revela a sua tentativa de entender uma outra cultura (totalmente diversa da sua), outras pessoas, bem como o misterioso sentido da morte. Mais do que recomendado!

2- A Cor Púrpura (Alice Walker) – Este foi o primeiro livro epistolar que li. E achei fantástica a maneira como uma história tão sensível e complexa se constrói de maneira perfeita por meio de uma narrativa que sempre é entrecortada pelo início e o fim das cartas de Celie e Nettie, as duas irmãs protagonistas. Sem dúvida, este livro entrou para a minha lista dos prediletos e o mais curioso é que Celie é uma protagonista extremamente judiada pela vida e pelas pessoas, problemática ao extremo, mas a riqueza com a qual Alice Walker consegue compor o universo em torno de sua personagem é incrível. A meu ver, uma das principais maravilhas deste livro é a transformação substancial que a vida opera em cada um de seus personagens, sem exceção.

3- O Harém e o Ocidente (Fatema Mernissi) – Esse livro da socióloga marroquina Fatema Mernissi já é um dos meus prediletos! Sua linguagem aproxima autor e leitor e partilha com seu público as suas dúvidas, os seus medos e as suas convicções. É muito bom saber que a temática da mulher oriental está sendo bem explorada por estudiosas, e não apenas estudiosos! Creio que é muito importante que as mulheres analisem sua condição nas sociedades do Oriente, a fim de que a ampliação de seus horizontes aumente as possibilidades de elas se tornarem sujeitos de suas próprias trajetórias.

4- As Naus (António Lobo Antunes) – A prosa de Lobo Antunes tem um caráter singular. Ela é densa e exige muito do leitor. É por isso que eu meio que “me obrigo” a ter contato com ela de tempos em tempos, justamente para não “viciar” a minha maneira de entender os livros. Em “As Naus”, ele constrói uma crítica a seu país por meio de constantes viagens entre passado e presente, imprimindo, para isso, um quê surrealista muito forte a sua narrativa. É instigante porque o tempo todo, durante a leitura, somos levados adiante pela simples pergunta: “onde é que isso tudo vai dar?”. E, no fim, a resposta é simplesmente genial.

5- Eu Matei Sherazade (Joumana Haddad) – Gostei muito da leitura deste livro! Não porque tenha concordado com ele 100%, mas pelo fato de ele ter me estimulado a pensar em muitas coisas, a questionar a mim mesma e também ao próprio texto. Joumana é uma jornalista e escritora síria muito culta e politizada, vale a pena ler sobre suas opiniões. Ela defende uma agenda literária que não é feminista, mas luta contra o sexismo. Não deixa de ser curioso, contudo, a maneira involuntária como ela se posiciona como uma autora engajada, mesmo dizendo que sua escrita não segue este caminho. Concordei, especialmente, com as observações dela sobre a instituição do casamento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s